Por isso...

Aqui teremos papos, desabafos, dicas, receitas e tudo que possa facilitar nossa correria diária de ser mulher, mãe e tal

domingo, 5 de dezembro de 2010

Papai Noel!



A história do Papai Noel tem várias versões.
Uma das principais refere-se a São Nicolau, que era um arcebispo da Turquia, e ajudava quem estivesse em dificuldades financeiras, colocando sacos de moedas de ouro nas chaminés das casas (Oh São Nicolau, nao quer passar aqui em casa este ano??? ho!ho!ho!). Tornou-se símbolo de Natal na Alemanha, e difundiu-se pelo mundo.
Dizem que a imagem atual que conhecemos do Papai Noel, de vermelho e branco, é originária da Coca-Cola. Mas comprovadamente, quem criou essa nova "roupagem" foi o cartunista Thomas Nast, em 1886 na Revista Harper's Weekly.
Segundo a lenda de Papai Noel, ele mora no Pólo Norte, em companhia da Mamãe Noel e seus ajudantes, os duendes, além de suas renas, que o auxiliam na distribuição dos presentes na noite tão esperada pelas crianças no mundo todo.
Eu sinceramente, na época que ainda acreditava no Papai Noel como um ser mágico, chegava a escutar o barulho dos sinos das renas balançando, fingia que dormia esperando o presente chegar, poxa, que brincadeira mais deliciosa... Espero repetir isso com a Isis por muitos e muitos anos! 

Saindo um pouco da lenda, e vindo ao mundo real, Papai Noel recebe cartas, de verdade, e dependendo da contribuição de "ajudantes voluntários", muitos pedidos são atendidos.
Os correios lançaram há mais de 20 anos a campanha "Papai Noel dos Correios", onde toda e qualquer criança pode enviar uma cartinha. Todas as cartas são concentradas em pontos centrais, geralmente agências centrais nas cidades, onde voluntários podem sentar, ler, e escolher cartinhas para respondê-las.
É muito comovente, pois vemos pedidos de todas os tipos, os mais abstratos, tipo, emprego pros pais, saúde para algum familiar, passar de ano, etc, até coisas bem concretas, cesta básica, cesta de natal, roupas, brinquedos, tijolos, bicicletas e até piscina, entre milhares de outras coisas, inclusive receber um cartão de natal! 
A intenção principal dessa campanha não é a distribuição de presentes, mas sim responder aos remetentes das cartinhas endereçadas ao "bom velhinho".
Este ano, o prazo é até o dia 17 de dezembro.

Um Ótimo Natal a todos, com muita magia e esperança!


4 comentários:

Tutitati disse...

RÔ, eu ainda acredito no papai noel...kkkk
muito legal seu post e bora lá nos correios!
bjs, bjs

Dani disse...

Adorei o post.
Amo a magia do Papai Noel. Sorte a minha que a Bia acredita até hoje!
Acho linda a iniciativa dos Correios, mas ainda não me tornei uma voluntária...estou muito tentada a ir esse ano.
Depois eu conto...

Bjos

Carla disse...

Eu me emociono cada vez que levo o Gab p ver o Papai Noel. Lá no shoping Itaguaçu tem um papai Noel e está sempre acompanhado da sua esposa mamãe Noel. Gente eles falam palavras tão lindas, que tocam o coração e a gente sai pensando nas mensagens, ele falou tantas coisas lindas p Gab que ele se lembra sempre que eu falo.
Vale a pena ir lá.
Lindo texto Rô. Beijossssssssss

Lulu disse...

Eu adoro!!
Sei do consumismo que caminha junto do bom velhinho, mas gente, eu acho mágico! Adoro, adoro, adoro!